‘Juscelino para Sempre’: turismo cívico é destaque em setembro

No momento você está vendo ‘Juscelino para Sempre’: turismo cívico é destaque em setembro
Programação da Setur-DF homenageia o presidente que realizou Brasília e reforça que a capital federal é muito além de um centro administrativo (Foto: Luara Baggi/GPS Lifetime)

A história de Brasília está contada em cada pedaço do quadradinho. Dentro e fora do avião, antes e depois da ponte, onde já é asfalto e onde ainda há terra. Entre os vários nomes que colaboraram para torná-la realidade, um sempre terá o topo das lembranças: Juscelino Kubitschek.

Em setembro, especificamente no dia 12, o presidente que possibilitou a construção da nova capital completaria 118 anos. A partir desta quinta, 3, a Secretaria de Turismo do Distrito Federal (Setur-DF) começa uma série de atividades para marcar o Setembro Cívico – Juscelino para Sempre, com toda a programação voltada para a promoção do turismo cívico na cidade.

O objetivo da ação é lembrar o legado deixado pelo presidente visionário e humanista que governou o país com desafiador “50 anos em cinco” e que mudou a realidade da população com a grandes obras, como a transferência da capital federal para o interior do Brasil. “Muito antes de ser presidente da República, JK foi um humanista: como médico, como religioso…Por isso, construiu Brasília exatamente entre os paralelos previstos pelo padre Dom Bosco”, ressaltou a secretária Vanessa Mendonça.

Durante todas as quintas-feiras do mês, serão realizadas entrevistas, exibidas pelos canais do Instagram e YouTube da Secretaria, com personalidades que foram importantes para o surgimento de Brasília. As atividades começam hoje, às 20h, com uma conversa da secretária com o prefeito de Diamantina, Juscelino Roque, que falará diretamente da cidade natal de JK. O papo será na Casa de Chá da Praça dos Três Poderes, hoje um dos principais Centro de Atendimento ao Turista (CAT) da capital. 

No domingo, 6, a cerimônia de Troca da Bandeira, às 10h, também será transmitida ao vivo. Desta vez, o evento terá participação da Banda da Marinha. Já no Dia da Independência, 7, será lançada exposição virtual pelo Instagram com fotos da construção da capital. A intenção é publicar como se naquela época houvesse a rede social de fotografias e assim tivessem sido publicadas.

No grande dia 12, o aniversário de JK vai ser comemorado de maneira a relembrar os passos do presidente visionário: uma série de rotas turísticas vai permitir que o turista ou morador percorra trajetos da obra de JK, com pontos de parada específicos.

Com informações da Setur-DF e do GPS Lifetime

Deixe um comentário